[1]
A. Procópio, «O bioetanol a projeção brasileira na América Meridional», RRII, vol. 16, n.º 33, 1.